vinatrend.com bestshoesmeme.com/

mrelaxabuy ortho tri-cyclenarthritisbuy eye drops online

O Futebol de Pernambuco tem solução? Repórter Matheus Sukar!

0

Matheus Sukar começou no Rádio Esportivo Pernambucano fazendo de tudo um pouco. Bastante aguerrido, ele faz reportagens de Rádio e TV e nas horas vagas ainda narra futebol pelo Rádio.

Hoje na TV Tribuna/BAND Recife, Matheus carrega experiência suficiente para opinar sobre o momento complicado que vive o futebol da terra dos coqueiros.

A pergunta foi: Qual seria a solução para melhorar o futebol de Pernambuco, e fortalecer os clubes e a imprensa ?

MATHEUS SUKAR

O futebol de Pernambuco tem solução? Repórter João Victor!

0

Apesar de jovem, João Victor Amorim, é um dos principais repórteres hoje do Rádio Esportivo em Pernambuco. Estudioso sobre futebol, ele fala sobre a crise no nosso futebol.

Santa Cruz e Náutico na terceira divisão, Sport na segunda divisão, Pernambuco perdendo espaço para o futebol da Paraíba, Alagoas e Rio Grande do Norte, e o campeonato estadual cada vez mais fraco. Vamos saber sua opinião.

A pergunta foi: Qual seria a solução para melhorar o futebol de Pernambuco, e fortalecer os clubes e a imprensa ?

JOÃO VICTOR AMORIM

O futebol de Pernambuco tem solução? Jornalista Daniel Leal!

0

Experiente jornalista esportivo, Daniel Leal, cobriu vários campeonatos e eventos internacionais pelo Diário de Pernambuco.

Conhecedor das dificuldades de cobertura, tabela de campeonato e administrações dos clubes do Recife, ele falou sobre o atual momento do nosso meio esportivo.

A pergunta foi: Qual seria a solução para melhorar o futebol de Pernambuco, e fortalecer os clubes e a imprensa ?

DANIEL LEAL

O futebol de Pernambuco tem solução? Opinião de Bartolomeu Fernando!

0

O Narrador esportivo da Rádio Clube de Pernambuco (AM 720), Bartolomeu Fernando, nos atendeu e resolveu falar sobre a atuação situação do futebol do nosso estado.

Bartolomeu Fernando é referencia entre os narradores esportivos no estado de Pernambuco, e é um dos caras mais queridos da cronica esportiva.

A pergunta foi: Qual seria a solução para melhorar o futebol de Pernambuco, e fortalecer os clubes e a imprensa ?

BARTOLOMEU FERNANDO

SÉRIE C – Santa Cruz 2×1 ABC: “Virada no apagar das luzes!”

0

O Santa Cruz escapou nas últimas de mais um tropeço no campeonato Nacional da série C. O ABC abriu o placar no Arruda, e o tricolor virou a partida no último minuto em falha grotesca do goleiro do ABC. No final o Santa Cruz venceu por 2×1.

Os gols da partida foram marcados por Jefinho (ABC) e Pipico de pênalti com Mizael para o Santa Cruz. A vitória deixa o Santa Cruz na 5ª posição com seis pontos.

O publico no Arruda foi de 7.746


O futebol de Pernambuco tem solução? Opinião de Cabral Neto!

0

Atualmente o jovem talentoso Cabral Neto é o comentarista titular da Tv Globo Nordeste. O Radialista já foi setorista dos clubes pernambucanos em várias emissoras, e também foi comentarista da Rádio Transamérica Recife.

Conhecemos Cabral Neto começando no Rádio Esportivo muito jovem, e sempre se mostrou cheio de conhecimento sobre o assunto. Hoje na Tv Globo, Cabral Neto é uma das vozes fortes do futebol no estado.

A pergunta foi: Qual seria a solução para melhorar o futebol de Pernambuco, e fortalecer os clubes e a imprensa ?

CABRAL NETO:

O crescimento desses dois pontos passa diretamente por dois fatores fundamentais: investimento em pontos estratégicos e capacitação de profissionais.

Os clubes precisam investir fortemente no trabalho das divisões de base, formar bons atletas traz inúmeras possibilidades, como por exemplo: baratear a folha salarial do time principal (já que os atletas formados na base costumam ter salários menores que os jogadores que são contratados), aumentar a relação afetiva do torcedor com o seu ídolo e possibilitar negociações futuras.
Esse investimento nas divisões de base passa por melhorar infraestrutura, criar uma rede de olheiros e capacitar os profissionais (treinadores, preparadores físicos, psicólogos, assistentes sociais e etc).

Em paralelo, capacitar também os profissionais das comissões técnicas do time principal. Definir um rumo para o seu futebol, planejar suas metas a curto, médio e longo prazos, elaborar uma estratégia e estudar como atingir esses objetivos, sendo fiel às suas convicções. Ter dirigentes com uma visão profunda sobre o jogo é primordial para esse projeto.

Outro ponto importante, encontrar meios para resgatar o torcedor no estádio, com programas de sócios e reservar áreas nas arquibancadas para ingressos populares, estreitando os laços com sua torcida.

Além claro de atacar todas as áreas do clube (marketing, esportes olímpicos, futebol feminino, projetos sociais), movimentar o clube em todas as direções sempre buscando o engajamento de sua torcida.

Essa mesma capacitação é o único caminho possível para a imprensa. Hoje em dia, com toda a facilidade de informação, é inaceitável que um cronista profissional não tenha o devido conhecimento sobre as mudanças do jogo de futebol, sobre as novas metodologias de treinamento, os modelos de jogo, as estratégias e que perceba os trabalhos que estão sendo desenvolvidos nos clubes de uma forma ampla, sem a miopia do “resultadismo”

O futebol de Pernambuco tem solução? Opinião do radialista Iranildo Silva!

0

Repórter, Ex Presidente da ACDP (Associção Dos Cronistas Desportivos de Pernambuco), membro da comissão Mundial de Futebol (AIPS ASSOCIAÇÃO INTERNACIONAL DE IMPRENSA ESPORTIVA), Iranildo Silva, hoje também está bastante preocupado com a situação dos clubes, e da imprensa.

Atualmente Iranildo está fora do Rádio Esportivo, vitima também da crise que vive nosso futebol.

Iranildo Silva

Precisamos primeiro resgatar, se possível, o relacionamento entre os envolvidos. Imprensa, dirigentes, Policia Militar e Corpo de Bombeiros. Além claro, do nosso torcedor.

Temos que manter uma discussão sobre o resgate do negócio chamado futebol, trazer para o debate o projeto de lei “Lei geral do esporte”, incluindo o relator do projeto o Dr. Wladimir Camargo.

A vaidade anda atropelando literalmente o sentido do respeito institucional. Ouvir e respeitar as opiniões emitidas pelas partes envolvidas, apesar das discordâncias ocasionais.

Relacionamento interpessoal pode ser o primeiro passo para mudar essa realidade dura em que estamos vivendo.

O futebol Pernambucano tem solução? Opinião do radialista, Edson Peixoto!

0

Plantão esportivo por vários anos na Rádio Jornal do Recife e líder de audiência, o radialista Edson Peixoto hoje comanda sua própria emissora de Rádio, A Rádio Dimensão FM.

Bastante experiente, Edson Peixoto sempre criticou o modelo de gestão dos dirigentes Pernambucanos, e sempre teve opinião forte contra a atual situação do futebol Pernambucano.

A pergunta foi: Qual seria a solução para melhorar o futebol de Pernambuco, e fortalecer os clubes e a imprensa ?

Edson Peixoto

Resultado de imagem para Edson Peixoto radialista Dimensão FM

A primeira coisa a se fazer para melhorar seria mudar o presidente da Federação Pernambucana de futebol. Um dirigente descomprometido com o nosso futebol.

Segundo, precisamos de transparência nas eleições para presidente dos clubes, e uma auditoria externa nas contas dos clubes. Isso resolveria a médio prazo, para que num futuro próximo pudéssemos ter apoio de grandes empresas e empresários no futebol. Só que duvido que os clubes aceitem essa sugestão.

Enquanto os dirigentes tiverem essa mentalidade atual, a tendência é a falência dos clubes. O maior exemplo disso é o Santa Cruz, que só não faliu ainda por conta de sua forte torcida.

Falar do momento que vive a imprensa Pernambucana não requer muita inteligência. Muitos cronistas não cumprem o rigor da lei em formular as perguntas que o torcedor gostaria de fazer. Talvez seja por medo de perder o emprego, ou por medo de ser retaliado pelo clube que faz a cobertura do dia a dia.

A cronica atual se curva aos clubes. Como pode você sair para fazer a cobertura do clube no CT (Centro de treinamento) no seu carro particular, ou carro da empresa, e chegando lá, encontrar os portões fechados porque o treino é secreto?

Eu pergunto, porque o nosso sindicato não toma providências sobre isso?

Onde está a ACDP (Associação dos cronistas Esportivos de Pernambuco) para lutar contra isso?

Nossa imprensa lamentavelmente está usando mordaça.

MATÉRIA ESPECIAL – O futebol de Pernambuco tem solução ?

0

Nosso primeiro Jornalista convidado é bastante conhecido do torcedor Pernambucano. Alvaro Claudino tem vasta experiência nos dois lados da moeda (Clubes e empresas) do futebol de Pernambuco.

Como já divulgamos em nossas redes sociais, vamos saber a opinião de vários cronistas, jornalistas e Radialistas sobre a crise que vive o futebol Pernambucano.

A pergunta foi: Qual seria a solução para melhorar o futebol de Pernambuco, e fortalecer os clubes e a imprensa ?

Alvaro Claudino

A linha de trabalho entre imprensa e clubes de futebol sempre foi muito tênue. Com o passar do tempo, e a profissionalização do departamento de comunicação dos clubes, assim como o surgimento dos Gestores de Carreiras, atualmente responsáveis pelo gerenciamento dos atletas (sejam eles de futebol ou qualquer outra modalidade), esse relacionamento tornou-se, para alguns, mais frio. Para alguns.

Acredito na ética e no bom jornalismo. Sempre. E fazer um bom jornalismo não quer dizer, necessariamente, falar bem ou mal de determinado clube. É falar a verdade. Não usar do velho “dois pesos, duas medidas”.  Cobrar mostrando qualidades e defeitos faz parte do trabalho da imprensa para com os clubes, dos clubes para com os profissionais de comunicação e de ambos para com o futebol de Pernambuco. Está tudo correlacionado.

Uma das coisas que não compreendo, nos tempos atuais, é a “passada de pano” que está acontecendo tanto do lado da imprensa (em alguns casos específicos, claro) quanto do lado dos clubes cobrando algo que muitas vezes nem eles mesmos podem dar ( como posso questionar uma publicação de uma notícia “equivocada”  que eu mesmo, enquanto clube, passei como verdadeira?) . Estive nos dois lados e sei bem o que é isso. Sei da necessidade do veículo em saber da notícia verdadeira e passar “a real” para seus leitores e da força hercúlea dos clubes em tentar passar a maior quantidade de notícias positivas para seus torcedores. E aqui que voltamos à linha tênue citada no começo do texto.

Ter os três clubes em divisões que não espelham a força dos mesmos não é bom para ninguém. Ruim para os veículos que perdem conteúdo e até mesmo visibilidade diante de um público que nitidamente não dá valor às séries C e B em detrimento da A. Até o mais apaixonado torcedor vai preferir ver um bom jogo de futebol da dita elite do que um jogo frio das outras divisões. Entendam: não estou dizendo que torcedor A ou B vai deixar de torcer ou ver a partida do seu time, mas que ele “consumiria” muito mais com seu clube na Série A, isso é fato. Dentro e fora do campo.

Não existe fórmula mágica para uma “melhora do futebol pernambucano”. Acredito que tudo passe por um efeito dominó onde um depende do outro para se sustentarem. Para que tenhamos um futebol forte nacionalmente precisamos de clubes fortes e uma imprensa atuante. 

SÉRIE C – Confiança-SE 1×1 Náutico: “Arbitragem errou feio!”

0

O Náutico perdeu a oportunidade de vencer o Confiança-SE do técnico, Daniel Paulista, na tarde/noite deste Sábado em Aracaju, pela 5ª rodada do grupo A. O placar final de 1×1 foi graças a um erro grave da arbitragem.

Os gols da partida foram marcados por Luiz Henrique para o Timbu, e Bruninho para o Confiança. O Náutico está na 3ª posição com 7 pontos.

O próximo jogo alvirrubro será Sábado(01) diante do Globo/RN nos Aflitos.

ERRO GRAVE DA ARBITRAGEM:

A partida ainda estava 0x0 quando o goleiro do Confiança, Jean, colocou a bola para dentro do seu próprio gol, onde nitidamente a bola passou a linha de meta. O árbitro não deu o gol e o bandeirinha fez que não viu prejudicando o Náutico.

Go to Top
vinatrend.com bestshoesmeme.com/